Presidente do OSB-SP reúne-se com diretoria da Anfip-SP

Presidente do OSB-SP, Paulo de Oliveira Abrahão, coordenadora de projetos, Letticia Rey, e diretoria da Anfip-SP, na sede da instituição (Foto: Divulgação)

No mês de outubro, o presidente do Observatório Social do Brasil – São Paulo (OSB-SP), Paulo de Oliveira Abrahão, e a coordenadora de projetos, Letticia Rey, reuniram-se com a diretoria da Associação dos Auditores-Fiscais da Receita Federal do Brasil em São Paulo (Anfip-SP) na sede da instituição, na República, Centro da capital.

“A aproximação com nossos mantenedores é sempre muito importante. É o momento onde podemos ser transparentes e prestar contas de nosso trabalho. O apoio de instituições tão fortes como a Anfip-SP, que acreditam em nós, é fundamental para levarmos o controle social adiante, ajudando a melhorar nossa cidade”, comentou Abrahão.

*Por: Redação OSB-SP

OSB-SP participa de capacitação de alunos para assistência contábil e fiscal à população de baixa renda

Paulo de Oliveira Abrahão durante capacitação na Derat (Foto: Divulgação)

No dia 19 de setembro, o presidente do Observatório Social do Brasil – São Paulo (OSB-SP), Paulo de Oliveira Abrahão, realizou a palestra “Cidadania fiscal na prática” para mais de 100 estudantes das faculdades Mackenzie, Fecap, São Judas, FMU, Anhanguera, Santana e Senac. A apresentação aconteceu na sede da Delegacia de Administração Tributária (Derat) na Consolação, Centro da capital, e fez parte de um curso do Núcleo de Apoio Fiscal e Contábil (NAF) da Receita Federal. O NAF, por meio de convênios com instituições de ensino superior, tem o objetivo de prestar assistência contábil e fiscal à população de baixa renda.

Para Abrahão, a falta do apoio destes estudantes e do NAF tornaria a vida dos contribuintes muito mais difícil. “O trabalho do NAF junto com alunos de faculdades é muito bonito e importante, pois auxilia pessoas de diversas comunidades em São Paulo e em todo o país a organizar e regularizar sua vida financeira ou abrir um pequeno empreendimento, o que pode fazer uma grande diferença na qualidade de vida delas”, comentou o presidente.

Dentre as orientações oferecidas aos contribuintes de menor poder aquisitivo, estão o auxílio para a resolução de pendências e trâmites fiscais e previdenciários, o esclarecimento de dúvidas sobre assuntos relacionados a declarações de imposto de renda, abertura de microempresas e cadastro de pessoas físicas. Com isso, um dos objetivos do NAF é, também, ajudar as universidades a formarem profissionais com comprometimento social.

Durante a capacitação, os analistas-tributários Dennis Shimizu e Nelson Yanasse, representantes do Derat, abordaram temas como a importância do NAF, como funciona a educação fiscal, de onde vem os recursos, para onde vão, orçamento público, carga tributária, renúncia fiscal, sonegação, Seguridade Social e Previdência Social.

*Por: Redação OSB-SP