Voluntários do OSB-SP acompanham divulgação do Balanço do 2º ano do Plano de Metas de São Paulo

Evento foi realizado pela Rede Nossa São Paulo com parcerias de organizações da sociedade civil na Câmara Municipal de São Paulo

Mesa formada para o evento da Rede Nossa São Paulo (Foto: Bárbara Alcalde/OSB-SP)

No dia 11 de junho, voluntários do Observatório Social do Brasil – São Paulo (OSB-SP) acompanharam a apresentação do Balanço do 2º ano do Plano de Metas de São Paulo realizado pela Rede Nossa São Paulo (RNSP), no Auditório Prestes Maia da Câmara Municipal de São Paulo (CMSP), Bela Vista, Centro da capital.

O levantamento apresentado na CMSP, com base nos dados disponibilizados pelo próprio Executivo paulistano, apontou que das 53 metas do programa, seis não foram iniciadas e 13 estão com informações indisponíveis. Ou seja, segundo a análise, 36% do planejado ainda não apresentou nenhum resultado à população.

Para especialistas, Plano de Metas de São Paulo tem metas insuficientes e percentual de execução não corresponde à realidade da cidade

Coordenadora de projetos, Letticia Rey, e vice-presidente do OSB-SP, Gioia Tumbiolo Tosi (Foto: Bárbara Alcalde/OSB-SP)

A vice-presidente do Observatório Social do Brasil – São Paulo, Gioia Tumbiolo Tosi, foi a responsável pela organização da visita dos observadores. “Decidimos ter uma vivência prática na Câmara Municipal com os dedicados voluntários que estão fazendo os levantamentos sobre o legislativo. O objetivo é ter um contato direto com o funcionamento do órgão. Desta vez, acompanhamos esta avaliação dos primeiros dois anos do Plano de Metas, mas pretendemos participar de audiências e reuniões também”, explicou.

Participaram do evento, além da vice-presidente, a coordenadora de projetos, Letticia Rey, a Bárbara Alcalde, o Abilio Fabio Nunes, a Bárbara Hashimoto Martins, a Rosevania de Oliveira Pimentel, a Renata Rozzino e o Vinicius Dalbert Alcântara.

Da esquerda para direita: Abilio, Bárbara Hashimoto, Rosevania, Letticia, Bárbara Alcalde e Renata

*Por: Redação OSB-SP


OSB-SP debate controle social com órgãos públicos durante seminário “Desafios da Auditoria de Controle Externo no Brasil”

Durante o evento, realizado pela Escola de Contas do Tribunal de Contas do Município de São Paulo, a vice-presidente do OSB-SP, Gioia Tumbiolo Tosi, integrou o painel sobre controle social

Auditório da Escola de Contas durante seminário (Foto: Divulgação/Escola de Contas)

Na tarde desta terça-feira (25/06), a Escola de Contas do Tribunal de Contas do Município de São Paulo (TCMSP) promoveu o seminário “Desafios da Auditoria de Controle Externo no Brasil” na sede da instituição, na Vila Clementino, Zona Sul da capital. A vice-presidente do Observatório Social do Brasil – São Paulo (OSB-SP), Gioia Tumbiolo Tosi, participou do painel sobre controle social, junto com o diretor presidente da Escola de Contas, Maurício Piragino.

Para Gioia, o fato de o OSB-SP, uma entidade da sociedade civil, ter sido convidado para o diálogo com órgãos públicos de controle, é muito relevante. “Nossa participação, representando uma das formas de controle social do município, em debate com órgãos de controle interno e externo, nos proporcionou a valiosa oportunidade de apresentar nossos projetos e discutir a possibilidade de realização de ações em parceria, tanto com o TCM como com a CGM”, destacou a vice-presidente.

O seminário ainda contou com um painel sobre controle interno, com a participação do ex-secretário municipal de Finanças de Jundiaí, Paulo Roberto Galvão, e do controlador geral do município de São Paulo, Eduardo Gonçalves Ungaro, com moderação do auditor de controle externo do TCMSP, Eduardo Lang Di Pietro; e outro painel sobre controle externo, com o presidente da Federação Nacional das Entidades de Servidores de Tribunais de Contas (FENASTC), Amauri Perusso, e o subsecretário de Fiscalização e Controle do TCMSP, Lívio Mário Fornazieri, com moderação do auditor de controle externo e conselheiro do CRCSP, Valmir Leôncio da Silva.

*Por: Redação OSB-SP